Close

October 26, 2015

Nazaré Luzquefusco

 

De regresso a casa com a monotonia dos quilómetros que se percorrem sozinhos numa Autoestrada. O João-pestana sussurra-me ao ouvido:

– Ou paras o carro para apanhar ar nas ventas ou vais-te estampar.

Avisto a placa que diz Nazaré, vou sair já aqui. Com um pouco de sorte ainda vejo umas ondas gigantes.

Desde que o Mcnamara colocou as ondas da Nazaré na boca do mundo ainda não tinha ido ao local de onde se realizaram as magnificas filmagens e fabulosas fotos. ´

nazare_small

 

Com as fotos no telemóvel comparava se estava aproximadamente no mesmo local.

nazare-surf-1

Mesmo com o mar calmo é de ficar de boca aberta só de imaginar.